Krasnoyarsk, Rússia: A cidade secreta da Sibéria

Francisco Brigham
Seguir

Francisco Brigham

Francisco trabalha como Designer Gráfico numa revista de viagens (Travel & Safaris).
Viajar é a sua paixão! Por isso considera-se um viajante em busca de imagens, sabores e outras curiosidades por todo o Mundo.

Escreve também aqui: "Francisco's Journey"
Francisco Brigham
Seguir

Como o famoso escritor Anton Chekhov referiu, esta é cidade mais bonita da Sibéria. Não nos admiramos com esta afirmação, pelas paisagens maravilhosas que podemos aqui encontrar.

Capela Paraskeva Pyatnitsa

A Capela Paraskeva Pyatnitsa, representada nas notas de 10 rublos, tem uma grande importância para a cultura russa. A Capela guarda a cidade no topo da colina, porque, na antiguidade, a sua localização foi usada para prevenir ataques.

Nota de 10 rublos russa

Ponte pedonal sobre o rio Yenisey

Passamos pelo rio Yenisey numa ponte para pedestres. Lá, podemos realmente sentir o vasto espaço que a Sibéria tem para oferecer. As temperaturas aqui podem atingir os 30 graus centígrados no Verão e os 40 negativos no Inverno, amplitude enorme que pode ser difícil de suportar.

Ao longo desta viagem deparámo-nos com diversos casamentos

Dizemos adeus a esta cidade. Chegar à estação ferroviária, onde mais uma vez o verde se distingue nos telhados de muitos edifícios públicos e emblemáticos, é uma óptima maneira de terminar a nossa visita à cidade.

Cores características dos edifícios na Sibéria

Estação de comboios de Krasnoyarsk

Agradecimentos especiais à Lernidee Trains & Cruises


Subscrever As Viagens do Francisco


 

Comentários

Comentários

Francisco Brigham

Francisco trabalha como Designer Gráfico numa revista de viagens (Travel & Safaris). Viajar é a sua paixão! Por isso considera-se um viajante em busca de imagens, sabores e outras curiosidades por todo o Mundo. Escreve também aqui: "Francisco's Journey"

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ten − two =