1º Congresso das Tertúlias Tauromáquicas

Realizou-se, este sábado, o 1º Congresso das Tertúlias Tauromáquicas, subordinado ao tema “As tertúlias e a festa”, organizado pela Confederação de Tertúlias de Vila Franca de Xira.

A Confederação de Tertúlias  de Vila Franca de Xira é uma organização informal, cujo objectivo é a promoção do movimento tertuliano e da identidade cultural do Concelho de Vila Franca de Xira. Foi fundada em 2013 como resultado de uma necessidade de valorização do movimento tertuliano no concelho e em toda a região. Fazem parte desta organização 48 tertúlias, das cerca de 60 registadas na Câmara Municipal, e estiveram presentes no congresso cerca de 20.

A sessão iniciou-se com um minuto de silêncio pela memória das vítimas dos atentados em França e estendeu-se durante todo o dia, terminando num jantar que juntou os participantes inscritos.

088_Congresso_das_Tertúlias_20151114_1
Grupo de trabalho que abordou o tema “As Tertúlias na Promoção da Festa de Toiros no Concelho de VFX”- (fotografia por Sofia T)

Durante o período da manhã, as actividades, que se realizaram no Quartel dos Bombeiros Voluntários de Vila Franca de Xira, centraram-se na organização de grupos de trabalho que discutiram os seguintes temas:

  1. As Tertúlias na Promoção da Festa de Toiros no Concelho de Vila Franca de Xira, com a coordenação de Marques Fernandes da tertúlia “Zás e Vira”;
  2. Património e cultura taurina, com coordenação de Jorge Carvalho da tertúlia “Cirófila”;
  3. As Tertúlias e as Festas de Toiros, com coordenação de Vitor Batalha da tertúlia “O Chocalho”;
  4. Organização e Representação das Tertúlias nas instâncias de regulação da festa, com coordenação de Luís Capucha da tertúlia “Abre Max”.

Nos grupos de trabalho, além dos tertulianos, participaram várias personalidades ligadas à tauromaquia e à cultura que contribuíram com o seu saber técnico para a discussão dos temas propostos.

Da parte da tarde, e a seguir ao almoço no Cabo das Lezírias, realizaram-se as actividades taurinas a cargo dos alunos da Escola de Toureio José Falcão.

(clicar nas imagens para aumentar)

No encerramento deste 1º Congresso das Tertúlias Tauromáquicas, que teve lugar no Museu do Neo-Realismo, destaca-se a presença do presidente da Câmara Municipal, Alberto Mesquita, e do presidente da Junta de Freguesia de VFX, Mário Calado, assim como do convidado de honra Dionísio Mendes, ex-presidente da Câmara Municipal de Coruche e um dos principais dinamizadores das tertúlias nesta vila.

Na sessão de encerramento, os coordenadores dos grupos dos trabalhos realizados durante a manhã, fizeram o resumo das conclusões de cada grupo e apresentaram as propostas subordinadas a cada um dos temas.

Assim, foi salientada a importância de dinamizar e divulgar as actividades das tertúlias através de várias acções, como por exemplo, através da concepção de uma agenda cultural e de um roteiro turístico, assim como de uma plataforma digital com informação variada sobre este tema.

O contributo das tertúlias na dinamização e divulgação das actividades da Praça de Toiros Palha Blanco também se mostrou de elevada importância para o grupo que explorou o tema de “As Tertúlias e as Festas de Toiros”, assim como o envolvimento da Confederação nas questões ligadas às esperas de toiros, para a promoção da Festa de Toiros.

A formação de uma rede de contactos e de identificação de património, tanto material como imaterial, foi abordada pelo coordenador do segundo grupo, Jorge Carvalho, como um factor relevante para a catalogação e preservação do património tauromáquico.

Por fim, foi destacada por Luís Capucha, coordenador do quarto grupo, a criação de uma nova estrutura “que adoptasse a designação de federação e que adquirisse um estatuto formal para mais facilmente participar numa confederação de âmbito mais alargado” com acções a nível nacional e internacional que tivesse como missão representar os aficionados junto da instituição reguladora da festa IGAC (Inspecção Geral das Actividades Culturais) e a “participação em estruturas internacionais de defesa da festa de toiros”.

O 1º Congresso das Tertúlias Tauromáquicas terminou com as intervenções do convidado de honra, Dionísio Mendes, que explicou a evolução das actividades tertulianas em Coruche que, até há pouco tempo, era praticamente inexistente, até às 14 tertúlias activas dos dias de hoje, seguido pela intervenção do presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira que fechou os trabalhos com a demonstração de apoio a estas iniciativas que visam a promoção da Tauromaquia no município.

*Fotografias de Helder Bento

Comentários

Comentários

Sofia T

Profissionalmente tem feito imensas coisas, no entanto, aqui só se encontrará a parte civilizada. Lê livros, conta histórias, estuda um pouco de tudo, o que lhe dá a capacidade de ver o mundo numa perspectiva alargada e de aprender depressa. Nunca pára de aprender. Vive numa insaciável busca por conhecimento e pela melhoria das suas aptidões. Gosta de fazer bem, privilegia sempre a competência e segura-a no seu horizonte. Se lhe perguntarem o que gosta mesmo de fazer, dirá que gosta de ler, escrever e de contar histórias. Por isso, escreve coisas em várias vozes. Eleva cada voz a um desafio que leva até ao fim e lhe serve de combustível. Escreve em plataformas Blogger, WordPress, papel ou na areia da praia. Conta histórias em vídeo, áudio, ou texto. E edita-as todas, porque, acredita, é na edição que está a arte. A quem interessar, nos espaços temporais que deixa em aberto, carregou fardos de palha, sacas de ração e carrinhos-de-mão cheios de estrume. Também trabalhou muitos cavalos e deu aulas de equitação, entre tantas outras coisas.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

3 × 3 =